Aprenda a identificar seu tipo de pele

Alessandra Quedi 9 de junho de 2008 0

phpBuhouG

Você precisa saber em qual grupo se encaixa sua pele para poder tratá-la da melhor forma.Existem milhares de cosméticos no mercado que prometem verdadeiros milagres para a pele. Mas de nada adianta gastar todo o seu salário em produtos de alto nível se eles não forem adequados a seu tipo de pele. Aliás,você sabe qual é o seu?

Sua pele pode ser mista, oleosa, seca ou normal. O dermatologista Cristián González, diz que a diferença se deve a distribuição e quantidade de oleosidade no rosto. “A mais freqüente é a mista, reconhecida por meio da zona T: a testa, o nariz e o queixo concentram a oleosidade”, diz o profissional.

A seguir veja algumas características que irão te ajudar a identificar qual é o seu tipo de pele.

Pele normal

É muito difícil de encontrar e se caracteriza por sua quase imperceptível abertura de poros. No geral, se apresenta flexível, iluminada e suave a primeira vista. Se parece muito com a pele que tínhamos durante a infância. Deve ser limpa todas as noites com creme ou leite demaquilante. Termine o processo com uma loção que feche os poros efetivamente. Para as horas noturnas, esta pele precisa de um creme nutritivo e para
o dia, um umectante. Em geral, não requer de grandes cuidados extras.

Pele mista

Como se explicou anteriormente, esta é a mais comum de todas. Apresenta uma secreção sebácea significativa na zona T, enquanto o resto do rosto é caracterizado pelo aspecto seco. Portanto, é preciso ter muito cuidado, restringindo os cremes mais  oleosos apenas nas áreas secas. O melhor é aplicá-los com cotonetes em movimentos suaves.

Atenção: usar apenas produtos para pele oleosa pode prejudicar as zonas secas de seu rosto.

Pele oleosa

Ela é decorrência principalmente da fase da puberdade, devido às mudanças hormonais. O pior, é que sua presença pode ir além da adolescência. A pele oleosa é de fácil identificação, pois tende a ficar com o aspecto brilhoso. É muito mais normal em pessoas morenas que em peles claras. É preciso ter cuidados especiais também com a alimentação, riscando da dieta alimentos gordurosos. Deve-se evitar sabonetes com óleos e com fragrâncias fortes para que a pele oleosa não seja terreno da acne. Nesse sentido, também é recomendável o uso de protetores solares a base de gel. É aconselhável usar cosméticos de boa qualidade e retirar a maquiagem  sempre antes de dormir. Os cremes e gel de limpeza, hidratação e nutritivos devem ser exclusivamente formulados para pele oleosa.

Pele seca

É uma pele muito fina, que se descama com facilidade e tem um tom opaco quando está em seu estado natural. Aqui as marcas de expressão se mantêm por mais tempo que uma normal, por isso, há maior incidência para a proliferação de rugas. Evite expor sua pele ao frio, pois isso aumenta ainda mais o aspecto áspero. É aconselhável tomar muito líquido e usar cremes umectantes e sabonetes com o PH adequado para a cútis seca. O melhor é evitar os pós compactos e optar pelas bases hidratantes. Se você continua com dúvidas a respeito do tipo de sua pele, o melhor é ir em busca da análise de um profissional. O exame dermatológico pode distinguir facilmente em que grupo você se encaixa e, o mais importante, quais os produtos e tratamentos são os mais indicados para sua cútis.

Deixar uma Resposta »