Bebê de um ano é intimado por dar calote em ‘massagista’

Alessandra Quedi 1 de julho de 2008 0

phphkRtFM

Pai levou o garoto ao quiroprata em abril de 2007 e pensou que o plano de saúde cobriria.
Ele diz que ficou chocado quando recebeu a intimação pelo correio.

Um bebê de um ano de idade foi intimado a comparecer à corte de Harrisonburg, na Virgínia (Estados Unidos), para explicar o não-pagamento de uma conta de US$ 391 (cerca de R$ 647) a um quiroprata, profissional que manipula vértebras para tratar doenças.

Richard White, pai do menino, disse ter ficado chocado quando recebeu a intimação pelo correio. O documento exigia a presença de seu filho Jacy no tribunal. Nem Richard nem sua esposa eram citados na ação.

Logo depois de seu nascimento, em abril de 2007, Jacy foi levado pelo pai ao quiroprata. Richard alega que, sem que ele soubesse, o convênio não cobriu os US$ 391. E agora, por algum erro dos arquivos, Jacy foi considerado responsável pelo calote. Diante do absurdo da situação, o quiroprata retirou a queixa.

Deixar uma Resposta »